A fragata indiana INS Betwa, uma fragata de mísseis guiados, tombou e caiu de lado durante os preparativos para a desdocagem nesta segunda feira em Mumbai, no que a Marinha indiana descreveu como um incidente “sem precedentes e triste”. Dois marinheiros morreram enquanto outros 14 foram resgatados com pequenos ferimentos.

image_pdfimage_print

 

14 Comments

 

  1. 11/01/2017  20:11 by Wellington Góes

    Estes cara derrubam tudo, até um Navio se estiver a um palmo do chão. Rsrsrs

  2. 11/01/2017  20:54 by Flanker

    É verdade, Wellington.....se já não fossem suficientes os caças deles que caem toda hora, agora até navio eles conseguem derrubar.rsrsrs

  3. 11/01/2017  21:13 by Leonardo Costa da Fonte

    Nós não podemos cantar de galo não. Lembrem-se, afundamos um submarino ancorado no porto.

  4. 11/01/2017  21:19 by Luiz Padilha

    Ancorado não, por favor. Atracado.

  5. 11/01/2017  22:13 by Marcos

    Rsrsrs...ninguem reparou o andaime de bambu, na torre do navio ao lado do tombado, da segunda foto?

  6. 11/01/2017  23:54 by Gilberto Rezende

    Apesar de todas nossas deficiências neste ponto temos que dar um Bravo Zulu a MB e em especial ao Arsenal de Marinha do RJ e a Base Naval de Aratu. A MB há décadas fazemos docagem e desdocagens de nossos navios sem acidentes desta monta.
    E olha que já fizemos docagens espetacularmente difíceis como a do NAe São Paulo no AMRJ com pouquíssimo espaço de manobra e de erro (e que os franceses sequer acreditavam ser possível).

  7. 12/01/2017  0:45 by Marcos Gilbert

    Se isso é incidente imaginem só o que é acidente para os caras

  8. 12/01/2017  11:03 by Luiz Padilha

    Mas ainda tem gente que não dá valor a nossa Marinha. Ela pode não ser a melhor, mas busca o tempo todo ser profissional.

  9. 12/01/2017  14:10 by Tamandaré

    Caramba, que lástima!!! Ainda mais por ser um belo navio... (minha opinião) :(

    Minhas sinceras condolências aos familiares e amigos dos falecidos. E parabéns ao DAN, ainda não tinha visto essa notícia em lugar nenhum!

  10. 12/01/2017  17:52 by Operacional

    Desalenta quando vemos profissionais em situação de sinistro e principalmente a organização como um todo, pois embora acidentes sejam discutidos para melhoria contínua, certamente traçam marca indelével na progressão de qualquer grupo de trabalho. Que aprendam e desenvolvam procedimentos para mitigar estes acontecimentos. Forte abraço ao DAN.

  11. 12/01/2017  18:57 by Gilberto Rezende

    Imagina a FAINA para recuperar o navio e liberar o DIQUE...
    Dá dor até de pensar mais o custo financeiro e de tempo para recuperar a unidade para a Esquadra...
    Se for possível...

  12. 16/01/2017  2:26 by Airacobra

    Se os andaimes na superestrutura do navio ao lado no mesmo dique são de bambu nem quero imaginar de que deve ser feito o picadeiro sobre qual docou o navio que tombou no dique

  13. 16/01/2017  8:09 by Luiz Padilha

    Deve ser de Pinos.

  14. 17/01/2017  17:27 by Yluss

    Assistam ao video do telejornal... Esse é o terceiro acidente em docagens de navios de guerra. Houve um submarino e uma outra belonave que também se acidentaram em docagem na Índia desde 2011.... lamentável.... Só aumenta a admiração pela MB!

Leave a reply

 

Your email address will not be published.