C5.

Em 2006, o C-5 Galaxy passou por um grande upgrade em sua fuselagem para fortalecer ainda mais as capacidades de transporte aéreo em todo o mundo.

As equipes de teste em Dover Air Force Base,estão mostrando por que a recente atualização dos software para a maior aeronave no inventário da força aérea – agora conhecido como o C-5M Super Galaxy – não é tarefa fácil.

C5..

Funcionários testaram as modificações iniciais em Dover AFB, e em seguida a aeronave foi transportado de volta para Edwards AFB, onde as equipes de teste desta base irá realizar os restantes das missões de voo neste mês.

“O C-5M Super Galaxy Block 3.5.2 tem uma atualização de software que se destina a corrigir 72 deficiência que foram documentadas em relatórios durante os programas de teste dos C-5M anteriores”, disse Joel Williams, do 775º Esquadrão de teste do C-5 e engenheiro-chefe de teste de vôo do 418º Esquadrão.

C5

“Os resultados dos testes do 418 º FLTS no Block 3.5.2 ajudará a apoiar a decisão conclusiva do escritório do programa em Wright-Patterson Air Force Base , Ohio “, disse o major Zackary Schaffer, um dos pilotos de teste do 418º FLTS.”Além disso, os dados destes testes serão usados pelo gerente de desenvolvimento de sistemas da Força Aérea ,na Life Cycle Management Center em Wright-(Patterson AFB) para gerar um resumo do programa de avaliação para verificar se o C-5M mantém o desempenho de navegação e capacidades de vigilância necessárias para necessidades futuras do espaço aéreo. “

De acordo com a equipe de teste do C-5M, os sistemas afetados por esta atualização de software inclui o sistema de controle de voo automático, auto regulador de pressão, serviços de vídeo, sistema de diagnóstico integrado e sistema de gerenciamento de vôo.

AIR_C-5_Galaxy_Cockpit_lg

“Como parte do teste do sistema de prevenção de colisão, tivemos que desenvolver técnicas de testes para gerar segurança e avisos de colisão em vôo”, disse Schaffer. “Com a ajuda dos pilotos do 445º Flight Test Squadron e o Instituto Lincoln com seu Laboratório de Tecnologia em Massachusetts, fomos capazes de desenvolver procedimentos usando um T-38 Talon para gerar todas as advertências adequadas, assegurando simultaneamente uma separação segura da aeronave durante todo o teste.”

ELEC_C-5M_AMP_Cockpit_Trainer_lg

Inicialmente, a aeronave foi modificada com uma instrumentação de teste e software em Dover AFB, que exigiu de todos os check-outs, inspeções de controle de qualidade e de solo iniciais de voo, fossem realizados fora do local.

“Graças à excelente coordenação entre Edwards AFB, uma equipe especial de instrumentação da Lockheed Martin Aeronautics e do 436º Grupo de Manutenção, todas as modificações foram concluídas antes do previsto com o avião completo e capaz de efetuar uma missão”, disse Schaffer. “Com a ajuda do 436º Grupo de Operações , nós fomos capazes de programar todo o apoio necessário para a nossa gama de testes.”

Uma vez que a parte final do teste de atualização dos software estiverem concluídas, Williams disse que as correções DR vai ajudar a trazer muitas melhorias para a plataforma Super Galaxy, incluindo um novo modo de orientação vertical, novos recursos de captura de desvio, identificar amigo ou inimigo, supervisão reforçada modo S e atualização do sistema anti-colisão e da lógica para evitar a mesma.

O gerente de desenvolvimento dos sistemas C-5 Galaxy, Divisão (AFLCMC/WLS), em Wright-Patterson AFB, usará o resultado do teste para apoiar a certificação de aeronavegabilidade e da atualização de software. Os resultados dos testes também vão apoiar a certificação de prontidão para testes operacionais, que será realizado pela Air Mobility Command e do Esquadrão de Avaliação.

O Super Galaxy Block 3.5.2 de teste tem previsão da atualização do software projetada para ser concluída até o final deste mês. Oficiais da Força Aérea planejam atualizar 52 Galaxies ao status de “Super” até o final de 2016.

FONTE : defencetalk.com

TRADUÇÃO E ADAPATAÇÃO : Defesa Aérea & Naval

Unknown source

helibras-anuncio

 

Leave a reply

 

Your email address will not be published.