A competição pelo programa de fragata Type 31e está agora entre dois competidores. A Babcock / Team 31 Arrowhead-140 e a BAE Systems/ Cammel Laird Leander. Aqui nós fornecemos uma comparação básica das duas opções. Os contratos da fase de design competitivo foram concedidos e ambos os designs provavelmente evoluirão mais antes que o vencedor da competição Type 31 seja anunciado no primeiro trimestre de 2019.



O gráfico abaixo mostra uma visão geral das características essenciais dos dois concorrentes. Deve-se notar que armas e ajuste de sensor (na faixa do meio) são todos opcionais e a seleção final pode, ou não, incluir o equipamento listado. Com um orçamento muito apertado de 250 milhões de libras por navio, o financiamento para as armas pode depender da eficiência com que os cascos podem ser construídos. É claro que o preço mais importante de cada projeto é um segredo comercial sensível, e o preço dos navios de guerra é sempre um cálculo muito complexo. Existem muitas variáveis ​​e alguns itens podem ser equipamentos fornecidos pelo governo (por exemplo, radares Artisan e sistemas Sea Ceptor das Type 23 aposentadas).

O projeto da Arrowhead-140, anunciado no mês passado, certamente elevou a expectativa. Por algum tempo, mesmo antes do nascimento do Tipo 31e, houve aqueles que defendiam a adoção do bem-sucedido sistema modular dinamarquês Stanflex como base para navios de guerra mais baratos. Como um projeto comprovado, em serviço e acessível, até mesmo está sendo sugerido que o Arrowhead poderia ser um concorrente para a competição FFG (X) da Marinha dos EUA. Será interessante ver se a BAE Systems responde com um Super Leander revisado, dada a “inferioridade de papel” do Leander para a Arrowhead-140.

TRADUÇÃO E ADAPTAÇÃO: DAN

FONTE: Save the Royal Navy


 

Leave a reply

 

Your email address will not be published.

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.