Por: Carlos Lima

Foi realizada no último fim de semana a Air Expo 2012 na Base Aérea Conjunta Lewis / McChord em Washington EUA. Essa Base é o resultado da junção do Forte Lewis do Exército Americano com a Base Aéra de McChord da USAF. Ele é o único centro de mobilização rápida do Exército dos EUA a Oeste da Cadeia das Rochosas. A sua proximidade com a Base Naval de Everett é crucial para facilitar os deslocamentos de meios entre a Marinha/Exército e a Força Aérea Americana.

A junção da base de McChord ao Forte Lewis ocorreu em Fevereiro de 2010 e o objetivo dessa junção foi racionalizar recursos, treinamento e acomodações para militares em missões e suas famílias. Com isso todos os serviços relacionados a logísticas, suporte a famílias, realocações, relações públicas, recursos humanos, serviços de emergência, recreação e logística em geral são feitas em conjunto entre oficiais do Exército e a Força Aérea dos EUA.

Como resultado existe uma grande economia de recursos e natural integração entre o Exército e a  Força Aérea americana como visto em poucas bases que está alocada em uma área de 350Km2 e suporta em torno de 25.000 militares e civis.

Algumas curiosidades sobre McChord:

· Possuí uma dotação de 43 C-17, e esses são os C-17 que normalmente estão preparados para fazer os voos para a Antártica/Ártico.
· O 62º Esquadrão de Transporte Aéreo é a única unidade Aérea do Departamento de Defesa que pode transportar, movimentar armas nucleares e seus acessórios
· É um dos postos mais requisitados para serviço nos EUA
· Possui um dos maiores centros de restauração de aeronaves nos EUA
· O 4º Batalhão do160th Special Operations Aviation Regiment (SOAR) conta com os MH-47G e MH-60L além do suposto Black Hawk Stealth que foram responsáveis pela operação que resultou na morte de Osama Bin Laden ano passado
· O Setor Oeste de Defesa Aérea é baseado em McChord e o maior dos Setores responsáveis pela Defesa Aérea dos EUA e responsável pelo NORAD.

A cada 2 anos a Feira de McChord atraí publicos recordes e esse ano foi estimado que um total de 150.000 pessoas compareceram ao evento nos dois dias apesar da chuva e muitas nuvens no Domingo. Mais de 50 aeronaves estavam expostas tanto civis, quanto militares e aeronaves do acervo do Museu de McChord além de aeronaves que estão sendo restauradas.

As maiores atrações sem dúvida foram os ThunderBirds e seus F-16 além de 2 Bombardeiros B-1B equipados com o Pod Sniper (um em exposição estática e outro realizando voos de exibição) além de 1 B-2 no Sabado realizando sobrevôos. Além disso foi interessante ver a demonstração capacidade de transporte do C-17 com um ônibus estacionado ao lado da rampa de um deles e um mini-caminhão ao lado de um C-130 aonde fica claro o quanto mais o C-17 pode transportar.

Estavam também em exibição (Clique nos textos para acessar as galerias de fotos): 

 Um Fairchild Republic A-10 Thunderbolt II ( Warthog) 

 

 

 Um AC-130H “Spectre Gunship” com o seu canhão de 105mm além do Vulcan de 40mm e diversas Kill Marks além de barcos afundados

 

 

 Um Rockwell B-1B Lancer com um equipados com o Pod Sniper 

 

 

 Um Boeing AH-64 Apache recém transferido para o Forte Lewis que apesar de não estar com o radar LongBow é uma aeronave muito bem equipada

 

O Super Hornet na versão usada para teste do VX-31 além de dois Growlers do VFA-159 baseados em Whidbey WA

 

 

F-15C da Guarda Nacional do Oregon que ainda não passou pelo upgrade e estava com o cockpit bem ‘reloginho’

 

 

 F-16 Block 30 da Guarda Nacional do Texas já com os trilhos de lançamento do Aim-9x e o Pod Lightening III como o dos nossos Am-X

 

 

 Um MH-47G do 160th Special Operations Aviation Regiment (SOAR), que foram responsáveis pela captura de Bin Laden. É impressionante ver o MH-47 ao lado de um Chinook normal que além da cor preta é extremamente bem armado

 

 Um KC-10 Extender com tripulantes muito simpáticos falando do seu avião e um KC-135 aonde a tripulação aguarda com ansiedade a substituição desse veterano pelo ‘KC-X’ atualmente em desenvolvimento na Boeing

 

 Um McDonnell Douglas T-45C “Goshawk”

 

 

 Um OH-58 “Kiowa Warrior” demonstrando a sua capacidade de ver ‘através’ das árvores com a ajuda do seu mastro periscópio

 

 

 Um LUH-72 “Lakota Medevac Helicopter”  do US Army

 

 


 3 C-17 disponibilizados pelos anfitriões para visitação e fotos além de Tour por dentro da aeronave e cuidadosamente radiografados

 

 

A exibição foi toda muito bem organizada com acesso por diversas entradas da base e sempre bem recepcionado. Dependendo da distância do estacionamento e a feira, estavam a disposição ônibus para levar e trazer os espectadores.

Como é comum é exibições desse tipo nos EUA a segurança é sempre importantissima, então a identidade era necessária além de alguns ítens serem proíbidos e o detetor de metal estava presente na entrada. Mas, uma vez que você passava da segurança, o nível de liberdade dentro da exposição era impressionante.

Você pode tirar fotos de tudo o que quiser, futucar o que quiser, entrar embaixo das aeronaves e tirar fotos de todo e qualquer detalhe que achar interessante e fazer as perguntas que quiser (nem sempre respondidas), mas tudo com muita simpatia. A Expo contou também com uma infraestrutura gigante para adultos e crianças com área de pique-nique, vendedores de todos os tipos aonde a única restrição é que objetos pequenos como tampas de garrafa eram retidos pelos vendedores para evitar o FOD.

image_pdfimage_print

 

Leave a reply

 

Your email address will not be published.