O estaleiro italiano Fincantieri anunciou na DIMDEX (Doha International Maritime Defence Exhibition and Conference) o modelo da corveta multitarefa que será construída para a Marinha do Qatar.

Projetada para o Qatar, a corveta terá 107 metros de comprimento e 14,7 metros de largura. Os navios vão deslocar mais de 3.000 toneladas e desenvolver 28 nós de velocidade máxima. O alcance em velocidade de 15 nós, deverá ser de aproximadamente 6.500 km.



Um dos elementos-chave no estande da Fincantieri na feira em Doha, foi o modelo da corveta de mísseis multitarefa desenvolvida para a Marinha do Qatar. No verão do ano passado autoridades do Qatar confirmaram um pedido para quatro navios desta classe, cujo papel principal será fornecer defesa aérea as unidades escoltadas.

A corveta Qatari levará armamento bastante robusto para esta classe de navios. Eles serão equipados com canhão de 76 milímetros da Leonardo, dois lançadores verticais de 8 células cada para mísseis antiaéreos MBDA Aster 30, dois canhões auxiliares de 30 milímetros Marlin da Leonardo, dois lançadores quádruplos de mísseis anti-navio MBDA Exocet MM40 Block III e ainda um sistema de mísseis CIWS RIM-116 Rolling Airframe Missile (RAM) da Raytheon.

É previsto que o corte do aço da primeira das quatro corvetas de mísseis ocorra em Junho. As entregas de navios devem começar em 2021. A ordem do ano passado também inclui a entrega de um navio de assalto anfíbio e dois navios patrulhas.

TRADUÇÃO E ADAPTAÇÃO: DAN

FONTE: Altair

COLABOROU: Junker



 

13 Comments

 

  1. 14/03/2018  22:10 by Esteves Responder

    Necessidade$$$.

    A corveta atenderia qualquer pais. Mas 800 milhões de dólares é mais que o dobro do que podemos pagar.

  2. 14/03/2018  21:41 by Bardini Responder

    O LPD dos caras tem um SMART-L e 16 silos com ASTER-30, canhões 30mm e 76mm...
    .
    A Corveta é equipada com Radar EMPAR, ASTER-30, RAM Block-2, Exocet, Canhões 30mm e 76,,...
    .
    Os Dois patrulhas são equipados com MICA, Exocet e Canhões 30mm e 76mm...
    .
    Isso só em termos de armamentos.
    É coisa que só veríamos em navios do finado PROSUPER da MB.
    .
    O pacote de compras do Qatar é uma coisa... Necessidades da MB é outra, completamente diferente.

  3. 14/03/2018  17:18 by Esteves Responder

    O contrato parte de 6 bilhões de dólares. 4 corvetas, 1 multiproposito, 2 patrulha. A MB não tem essa grana.

    • 14/03/2018  22:15 by Jr Responder

      Desses 6 bilhões, 1 bilhão é só de mísseis

      • 15/03/2018  12:55 by Esteves Responder

        Pois é. Quem tem grana compra o navio que quiser.

  4. 14/03/2018  15:31 by Rogério Rufini Responder

    navio de verdade, como falo, comprar cambiarra é rídiculo, paga -se mais por algo que realmente preste, e depois aproveita os Italianos e fecha um lote segundo de outras 4, e completa com outras 6 FREMM

  5. 14/03/2018  15:08 by BrunoFN Responder

    Q seja essa a corveta oferecia pela Fincantiere ...a MB dentro do projeto ''Classe Tamandaré'' .. uma ''FREMM'' de bolso''

  6. 14/03/2018  14:52 by Willhorv Responder

    Também gostaria dela. Mas não com Sea Ceptor!
    Principalmente se não disporem da versão de range extendida!

  7. 14/03/2018  13:34 by Tomcat3.7 Responder

    Pode mandar 4 pra MB por favor!!!

  8. 14/03/2018  13:01 by Roberto Silva Responder

    Pode não ser com essa configuração e deslocamento de 3.250 ton full, mas essa linha de corvetas da Fincantieri cairia muito bem aqui, ainda mais se pensarmos que lembra uma mini-FREMM, a favorita do PROSUPER.

  9. 14/03/2018  12:24 by filipe Responder

    Essa Corveta será com certeza a futura CV-1 Tamandaré, tem a tonelagem necessária.

  10. 14/03/2018  11:20 by FRL Responder

    Pessoal, bom dia. Editores, esta corveta atenderia aos requisitos do certame da Cv Tamandaré?

    • 14/03/2018  11:24 by Luiz Padilha Responder

      Sim, pelo menos no que diz respeito a tonelagem, pois como a MB abriu que a corveta poderá ter entre 2.400 à 4.000 toneladas................

Leave a reply

 

Your email address will not be published.

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.