Imagem-1-e-2-GripenNG-SAAB-Eng.Bras_.Trein_

Por Ivan Plavetz

De acordo com a SAAB, o primeiro grupo de engenheiros e técnicos brasileiros pertencentes à EMBRAER e AEL Sistemas iniciou, na semana passada, trabalhos nas unidades da companhia como parte do programa de transferência de tecnologias no âmbito do Projeto F-X2, que está sendo desenvolvido para suprir 36 aviões de combate Gripen NG para a Força Aérea Brasileira (FAB).

Seguindo o conceito “on-the-job training”, o treinamento do grupo está focado na concepção estrutural e nos sistemas gerais da aeronave (aviônicos, software, sensores, sistemas veiculares e armas), bem como na produção, testes e verificações, manutenção e vistoria. Tudo para que seja dada uma base à compreensão geral da plataforma do Gripen NG e da filosofia de design e metodologia. Em uma fase posterior, o treinamento será focado na integração dos sistemas e da concepção global, gerando capacitação para integração de armas e sensores, por exemplo. Treinamento concentrado no design conceitual para futuros sistemas da aeronave também será parte de um próximo estágio.

Os treinamentos agora iniciados têm o seguinte formato:

– Cursos gerais sobre a empresa, o produto e os processos de trabalho.

– Cursos específicos sobre o produto/sistema e sobre processos e ferramentas adaptados para o trabalho individual em um sistema/área técnica específica.

– Treinamento prático individual, por meio da participação nas equipes da SAAB, trabalhando nas áreas técnicas específicas nas quais os participantes são especializados.

Conforme a SAAB, em termos de inovação, os brasileiros terão contato, pela primeira vez, com modernas concepções aplicadas em um tipo de aeronave dotada de sistemas altamente integrados. Elevado nível de integração de sistemas e de sensores é a chave para se alcançar vantagens competitivas com uma aeronave de última geração. De acordo com a companhia, essa característica possibilita um grande potencial de crescimento, por meio do desenvolvimento de software e da integração de novos sensores e armas. Para o Brasil, o conhecimento sobre as filosofias de arquitetura e design do sistema de uma aeronave supersônica moderna concede a capacidade de manter e atualizar permanentemente o sistema do Gripen NG e, no longo prazo, de desenvolver sistemas avançados de combate.

Vale lembrar que engenheiros da brasileira Akaer já participam do projeto Gripen NG à algum tempo. Eles receberam treinamento e desenvolveram alguns trabalhos na concepção estrutural da fuselagem. A SAAB informou que esses profissionais receberão treinamento em outras partes da aeronave e irão trabalhar mais nessas áreas.

FONTE: T&D

 

 

 

18 Comments

 

  1. 27/10/2015  23:04 by dilson queiroz

    o importante é que dentre esse pessoal que foi á Suécia se encontrem engenheiros do ITA....o ITA deve possuir todo conhecimento teórico e tecnológico deste avião de caça com a maior profundidade possível......se não houver gente do ITA o conhecimento acêrca do caça corre o risco de se perder..........

  2. 27/10/2015  23:56 by Atirador 33

    Meu caro,muito boa sua colocação, o mercado pode engolir esses profissionais e pior separá-los ai o conhecimento vai para o espaço. Também corremos o risco "Marcos Pontes" investir nos caras e depois não ter o retorno.


    Abs

  3. 27/10/2015  23:57 by Sandro Renan

    Que bom que isso está acontecendo. Agora q ganharão esse conhecimento eles podem passar para as universidades e institutos, e no futuro teremos engenheiros bem mais capazes de criar e entender e criar esse tipo de aeronave. Gostaria de saber como será a camuflagem do gripen, se vvai mudar de acordo com a região do Brasil ou será padrão.

  4. 28/10/2015  0:01 by Sandro Renan

    Só para e explicar, não que eles vão chegar aqui e dar aula, mas que com o passar dos anos esse conhecimento vai se perpetuar pelas universidades e institutos no Brasil.

  5. 28/10/2015  0:41 by AlexRio

    Coisa triste que mostra a realidade brasileira que sempre tentam negar ou esconder. No meio deste grupo de profissionais de alta capacitação técnica da FAB não tem um único negro.

  6. 28/10/2015  0:42 by Topol

    Pessoal, se algum de vocês estiver lendo o DAN, o povo do Brasil espera que vocês façam bonito aí... vocês representam nosso país, vamos mostrar a esses suecos o quanto o povo brasileiro é trabalhador, vamos absorver cada macete da construção do Gripen NG. Não se deixem seduzir pelas cervejas suecas nem pelas loiras, foco no trabalho (rsrsrsrs) ! Valeu.

  7. 28/10/2015  2:52 by bjj

    Desculpem-me, mas tenho que falar...

    Chupaaaaaaaaa zzzzzzzzzzzz

  8. 28/10/2015  3:39 by Marcelo

    O ITA é uma escola de engenharia, não uma organização que produz aeronaves e/ou sistemas. A Força Aérea, por meio do DCTA, terá participação no programa também....

  9. 28/10/2015  6:29 by filipe

    Saõ segredos militares, não é académico, são segredos de Estado, o ITA é uma académia, os Engenheiros são da Empresa EMBRAER.

  10. 28/10/2015  7:19 by Marcos Henrique

    O Brasil nunca será 100% produtor de equipamentos de tecnologia, porque não desenvolve ou vai desenvolver os mecanismos necessarios para sua produção, desde a materia prima, só pra citar um exemplo, os computadores...., mesmo que suas placas de circuito sejam feitas e montadas aqui, os componentes eletronicos, circuitos integrados não são, então, de fato nos somos autosuficientes na produção do equipamento, porque sempre poderemos ser alvo de embargo....na Suécia....estamos aprendendo a sermos montadores...

  11. 28/10/2015  11:50 by Eduardo Pereira

    Que absorvam e aprendam bastante para transmitir e utilizar com sabedoria ao regressarem ao Brasil.

  12. 28/10/2015  12:08 by karlBonfim

    Calma!!! Com esse desgoverno de plantão ai, não cante vitória ainda!!! Quando eles não erram no início, erram no meio ou no fim!!! Tem muita água para rolar de baixo da ponta até os gripem estiverem rasgando os nosso céus com seus estrondos. Mas estou torcendo (pelo Brasil) que tudo dê certo até lá!!!

  13. 28/10/2015  15:29 by Gilberto Rezende - Rio Grande/RS

    1) Nem o Brasil e nem os EUA produz 100%;
    2) O Brasil vem se modificando e evoluindo nas últimas duas décadas, por causa também das políticas do governo atual, num futuro de médio prazo muitos novos engenheiros que foram estudar no exterior na sua formação encontrarão estes engenheiros que foram a SAAB e juntarão suas experiências para manter, evoluir e acrescentar sistemas e novos mísseis feitos por (ou com participação) de brasileiros no Gripen ou em outros projetos aeronáuticos e/ou militares na Embraer ou em outras empresas que participam do programa. Mesmo alguns deles deixarão suas empresas para tocar suas empresas próprias.
    3) Tenha um pouco mais de fé no seu país e na sua gente;
    4) Leia menos jornal e TV PIG;

  14. 28/10/2015  16:31 by Celso

    Nao entendi sua colocacao...........e se houvessem so negros nesta foto o q vc escreveria........ta fora de contexto sua pergunta e traz assunto nao pertinente a noticia e foto. Com certeza la esta quem tem meritos e conquistou este direito e poderiam ser muitos negros tbm...enfim, voce so traz este assunto de forma racista e preconceituosa contra brancos e pardos q la estao tbm na foto e sao fruto da miscigenacao q sempre houve neste pais.

  15. 28/10/2015  16:42 by Celso

    A mais de 50 anos q nossas universidades produzem profissionais de diversas areas do conhecimento tecnologico e cientifico em condicoes de competir e criar. Infelizmente fatores q todos conhecem, sempre nos levam a regredir em momentos criticos e o maior culpado disso sao nossos governantes q tem a capacidade de cortar recursos em areas sensiveis do conhecimento e q levam estes profissionais a buscar outros paises e ou mercados aqui mesmo. Nao se financia a pesquisa como deveria ser e nao se da continuidade a nada......tvz vcs nem facam ideia do universo de projetos e e ideias q foram parar em alguma gaveta de algum burocrata ou politicos q inviabilizam estes recursos e se vergam a poderosissimos lobbys.....alguem ai ta vendo ou lendo aquele assunto do remedio pesquisado e desenvolvido na em Sao Carlos se nao me engano...ta nas redes...........vergomhosa a atitude da ANVISA e seus apaniguados...ninguem se manifesta......... Nao querem e nem precisam q todos entendam o q de fato acontece, porem chegaram a conclusao q eh melhor manter a ignorancia e a miserabilidade..nada de novo na terra de abranches...........tem muita coisa q nao precisariam ser compradas a peso de ouro como ToT....mas pra que perder tempo c isso...poucos querem entender de fato o q se passa nos poroes deste pais.......eh melhor torrar o dinheiro publico, fazer muita propaganda e vender isso aos incautos como uma realizacao extraordinaria............

  16. 28/10/2015  19:15 by Elcio

    Há 50 anos tinhamos lamparina viajavamos de combi ou fusca e mandavamos carta e
    não tinhamos telefone o nosso mal continua o mesmo reclamamos de tudo com as pessoas erradas viajavamos de teco teco e hoje

  17. 29/10/2015  10:38 by Paulo Moraes

    Concordo Celso.
    Estes lobbys não querem acabar com as doações aos políticos, pois estes representam os interesses deles. Quem ousa tentar acabar com o "sistema" poder acabar falido e louco, ou talvez pior.
    Investir em pesquisa e desenvolvimento aqui no Brasil pode significar, entre outras coisas, ameaçar as compras governamentais, em alguns casos, e, consequentemente, mexer com muitos interesses de poderosos.

  18. 04/11/2015  10:19 by Marcos Henrique

    Caro Gilberto...
    1. Não sei onde vc tirou essa informação de que os estados unidos não produzem 100% de sua tecnologia, o amigo esta equivocado, os USA não dependem de niguem para fabricar seu materia bélicos...Aliás o maior erro estratégico dos USA foi ter permitido as companhias americanas fabricar seus produtos na china transferindo assim a tecnologia necessaria para a China chegar o de chegou..
    2. Neste ponto concondamos em partes, porque de fato estamos experimentando um parcial avanço, mas longe da auto-suficiência, porque é preciso ir alem do aprendizado, é preciso que o conhecimento seja tratado e transmitido como segredo de estado, é preciso que sejam criadas mais instiuições de ensino militares, para que esses senhores se tornem professores, e transmitam o conhecimento aprendido a novos engenheiros, sem isso todo investimento feito até agora.será em vão...
    3. Realmente existe pessoas bem intencionadas, contudo elas são minoria e o amigo talvez esta longe de saber verdadeiramente como aqui tudo funciona.

    4.Conhecimento é tudo, e ser bem informado sobre tudo é fundamental para vc não ser marionete de ninguem , nunca acredite nas estatisticas...nos duendes e na
    televisão...são muito mentirosos...Vc tem inteligencia para usar..então use para discernir o que é manipulação e o que não é....não é preciso deixar de ver tv...porque não sou tão ingenuo a ponto de não perceber uma manipulação da informação....grande abraço...

Leave a reply

 

Your email address will not be published.