Ministro da Indústria da Defesa da Austrália, Hon Christopher Pyne, felicitou a empresa australiana CEA Technologies pelo contrato para atualizar as capacidades de fragatas da classe Anzac da Royal Australian Navy.

Ministro Pyne visitou a CEA Technologies durante a PACIFIC 2017 e disse que o contrato avaliado em US $ 148 milhões seria para a produção de um novo radar, denominado CEAFAR2-L, para as fragatas da classe Anzac. O contrato faz parte de um programa mais amplo que irá modificar os navios e integrar os radares, num valor total de mais de US $ 400 milhões.

“A atualização radar de busca aérea garantirá a capacidade de se adaptar às ameaças aéreas e de mísseis modernos e em desenvolvimento e manter a capacidade de defesa da classe Anzac”, disse o ministro Pyne.

“O radar foi desenvolvido pela CEA Technologies em Canberra, uma empresa que emprega quase 400 funcionários, cuja tecnologia está despontando e sendo adotada por forças armadas em todo o mundo.

O radar de busca aérea representa uma inovação tecnológica de ponta e reflete uma contínua colaboração positiva e eficaz entre a defesa e CEA Technologies nos últimos 15 anos.

“A CEA Technologies vai construir sobre a tecnologia desenvolvida para as fragatas da classe Anzac para desenvolver a próxima geração de radares de busca aérea para as futuras fragatas”.

“Além da CEA, a indústria australiana irá desempenhar um papel vital na instalação e manutenção do radar de busca aérea, especialmente no fornecimento de oportunidades de emprego local em Fremantle, Austrália Ocidental, com fluxo em benefícios para a economia local“, disse ele.

CEA Technologies é uma empresa australiana reconhecida internacionalmente, e já construiu o radar de médio alcance anti-míssil atualmente defendendo a classe Anzac.

TRADUÇÃO E ADAPTAÇÃO: DAN

FONTE: Navyrecognition