O Ministério da Defesa (MD) entregou à Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) os arquivos referentes ao “filing” da rede de satélite SISCOMIS-9, do Sistema de Comunicações Militares por Satélite (SISCOMIS). A entrega permite que sejam iniciados os trâmites junto à União Internacional de Telecomunicações (UIT) para garantir uma posição orbital para o Segundo Satélite Geoestacionário de Defesa e Comunicações Estratégicas (SGDC-2).

Os arquivos foram entregues na última quinta-feira (5) ao superintendente de Outorga e Recursos à Prestação (SOR) da Anatel, Vitor Elísio Góes de Oliveira Menezes, pelo subchefe de Comando e Controle, do Estado-Maior Conjunto das Forças Armadas (EMCFA), General de Divisão Gláucio Lucas Alves.

Estiveram presentes à cerimônia integrantes da ANATEL, militares deste Ministério e do Comando da Aeronáutica, todos partícipes na preparação da rede SISCOMIS-9.

“Essa é a oportunidade que nós temos de entregar todas as características técnicas da carga útil militar que vai compor o satélite. É o marco inicial da trajetória que culminará com o lançamento do SGDC-2”, explicou o general Gláucio.

O superintendente Vitor agradeceu a atuação do MD junto a Anatel e desejou boa sorte nas ações que envolvem o satélite. “A parceria com o Ministério da Defesa tem dado muito certo. Parabéns pelo início das operações do SGDC-2. A Anatel estará sempre à disposição”, afirmou Vitor.

O SGDC-2 trará, além da Banda X, a banda Ka militar, o que permitirá acesso à banda larga em operações militares. A previsão é que o satélite seja lançado até 2022.

Programa SGDC

O Programa SGDC possui uso dual, contemplando carga útil civil e militar. Nas comunicações civis utiliza a banda Ka, o que possibilita acesso à conexão em banda larga em todo o território nacional. A carga útil militar, composta pelas bandas X e Ka militar, permite tramitar informações afetas à área de defesa.

O primeiro dos três satélites que integram o programa SGDC foi lançado em maio deste ano da base de Kourou, na Guiana Francesa.

Fonte: MD

Fotos: Cabo Botelho – CHOC/EMCFA-MD

image_pdfimage_print

 

3 Comments

 

  1. 09/10/2017  7:30 by FXE500 Responder

    O capitalismo de estado é maravilhoso(Já estão querendo passar pra iniciativa privada o primeiro satélite)palmas pro Kassab,usa-se o dinheiro publico para beneficiar uns sangue sugas que não tem vontade nem capacidade para competir no mercado ai se esconde debaixo das asas protetoras e benevolentes do estado. ah mais se for para ajudar o trabalhadores e o povo ai é o satânico socialismo! rssss
    Como ja disseram o capitalismo é ótimo para dividir os lucros e socializar os prejuízos

  2. 08/10/2017  12:23 by Augusto Responder

    Isso é uma excelente notícia, mas tem de haver aporte de dinheiro pelo governo para a empreitada. Vamos acompanhando.

  3. 07/10/2017  14:16 by Sequim Responder

    Percebe - se que quando as coisas são feitas com seriedade e profissionalismo, elas acontecem a bom tento e a bom tempo.

Leave a reply

 

Your email address will not be published.