Patriot - © AFP 2016/ YOSHIKAZU TSUNO

Patriot - © AFP 2016/ YOSHIKAZU TSUNO

O Japão implantou pelo menos três sistemas de defesa antimíssil Patriot PAC-3 em instalações militares para se defender da ameaça norte-coreana, disse aos jornalistas o ministro da Defesa japonês, Gen Nakatani, na terça-feira (2).

“Instalamos [sistemas] PAC-3 na zona de Ichigaya de Tóquio, bem como nas bases Asaka (na fronteira administrativa de Tóquio e a prefeitura de Saitama) e Narashino (na prefeitura de Tiba)”, disse Nakatani.

Segundo ele, a Coreia do Norte não informou sobre os planos de lançar mísseis “mas não pode ser excluída a hipótese de ações provocatórias, inclusive lançamentos de mísseis”.

Ao mesmo tempo, o ministro não falou sobre eventuais planos de instalar mais sistemas Patriot no Japão ou outras medidas que possam ser tomadas para reagir a possíveis testes de mísseis norte-coreanos.

Na semana passada, a agência noticiosa japonesa Kyodo informou que os dados de satélite mostram que Pyongyang se prepara para lançar em breve um míssil balístico do cosmódromo em Sohae. Neste contexto, o ministro da Defesa japonês ordenou eliminar o míssil norte-coreano se este vier a ameaçar o seu país.

Em 6 de janeiro, a Coreia do Norte anunciou ter realizado o primeiro teste de uma bomba de hidrogênio. A comunidade internacional, inclusive as potências nucleares, condenaram as ações de Pyongyang, tendo expressado a sua preocupação sobre um provável agravamento da situação na região. Um leque de especialistas internacionais duvidou de que a Coreia do Norte tenha de fato testado uma bomba de hidrogênio.

FONTE: Sputniknews

 

2 Comments

 

  1. 02/02/2016  11:12 by Topol Responder

    Patriot PAC-3 tem alcance de 70km e altitude máxima de 24 km... é um sistema antimísseis para teatro de operações, eficaz contra mísseis balísticos táticos e não para defesa estratégica, logo não poderá defender o Japão contra IRBMs Taepodong nem contra o novo IBM KN-08 multi estágios

    • 02/02/2016  17:02 by Acernos Responder

      mas essa é apenas a segunda linha de defesa, de acordo com outras fontes (reuters) a primeira linha de defesa são os Destroyers Aegis equipados com misseis SM-3.

Leave a reply

 

Your email address will not be published.

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.