O TRF-2 (Tribunal Regional Federal da 2ª Região) concedeu habeas corpus revogando a prisão preventiva do almirante Othon Luiz Pinheiro da Silva, ex-presidente da Eletronuclear.

Considerado um dos mais importantes cientistas nucleares brasileiros e um dos pais do programa nuclear do país, ele foi condenado a mais de 40 anos de prisão na Operação Lava Jato.

Acusado de corrupção, lavagem de dinheiro e de tentar embaraçar as investigações, ele estava detido há dois anos, numa instalação da Marinha no Rio de Janeiro.

O almirante está passando por um tratamento de câncer de pele. Segundo o advogado Fernando Fernandes, “a soltura é um ato de justiça e humanidade”.

FONTE: Coluna Mônica Bergamo Folha de São Paulo

image_pdfimage_print

 

18 Comments

 

  1. 14/10/2017  21:45 by Fred Responder

    "Ao fim da Segunda Guerra a Alemanha desenvolveu armas novas e altamente destrutivas impulsionadas por foguetes, as bombas voadoras V-1 e V-2. O pai dessas armas foi o Major SS Werner von Braun, cientista e nazista, que desenvolvia projetos bélicos durante toda a Segunda Guerra.

    As armas foram produzidas com trabalho escravo de trabalhadores russos e judeus do campo de Mittelbau-Dora. Se Von Brau não despertasse o interesse dos EUA seria julgado culpado no Tribunal Internacional de Crimes de Guerra de Nuremberg, onde TODA a SS foi declarada criminosa, além disso as bombas V-2 foram declaradas crimes de guerra porque matavam civis de forma indiscriminada, destruíram grande parte do centro de Londres matando milhares de civis.

    Mas os EUA eram e são uma potencia geopolítica, então sua lógica coloca a justiça em escala mais baixa do que o interesse nacional.

    O Major SS Von Braun teve seu passado apagado com borracha e resgatado pelo Exército que o enviou em 20 de Setembro de 1945 para os EUA com seus colaboradores e familiares, com ficha limpa, casa, comida e salário. Alguns resmungos de Promotores (sempre eles) foram ignorados. O agora ex-Major SS tornou-se cidadão americano de 1ª classe, naturalizado americano em 1955, foi nomeado Diretor da Agência de Mísseis Balísticos do Exército dos EUA. Von braun foi o pai do Projeto Apolo, que levou o homem a Lua. Von Braun fundou e foi o primeiro Presidente do Instituto Espacial Nacional e ganhou o Prêmio Nacional de Ciencia de 1975."

    Assim procede um país que se fez potencia...

    Já no Brasil de lava-Jatos colôniais, se faz caça as bruxas, perseguindo qualquer um que promova a soberania nacional, seja ela economica, tecnológica, militar ou cultural.

  2. 14/10/2017  15:27 by Mabeco Responder

    Prisão preventiva não pode ser confundida com prisão pena. Esta decorre do trânsito em julgado da condenação. A outra tem natureza processual e visa resguardar a instrução do processo. Considerando-se que já há uma sentença condenatória, por óbvio, não subsistem os motivos para manutenção da preventiva que, no caso do Almirante, foi mantida de forma abusiva, sob meu entendimento.

    Quem imagina que o judiciário é isento e imparcial não sabe da missa a metade. Na verdade, trata-se de poder burocrático, arrogante, vaidoso e sem controle, cuja atuação política atingiu níveis de excrescência.

    A quantidade de ilegalidades nos processos tocados pela tal força tarefa, a quantidade de “coincidências” contra o interesse nacional e a quantidade de “viagens” de carreiristas aos EUA indicam, pra mim, pontos suspeitos.

    Apenas um exemplo, o MPF tem grupos focados em “cooperação internacional” que, de cooperação, pouca coisa têm: o grupo deles nos fornecem informações para prender corruptos e nós fornecemos informações sobre nossas empresas que, inclusive, estão sendo utilizadas para embasar ações bilionárias contra estas mesmas empresas.

    A situação chegou a tal ponto que existem caríssimos auditores norteamericanos dentro da Petrobras, pagos pela própria empresa, apenas para certificarem regras de compliance. Esses auditores, indicados pelas grandes bancas jurídicas, não estão lá pra defender a Petrobras ou o País.

    Enfim, quando descobrirmos a verdade desse imbróglio já será tarde demais.
    Um motivo a mais pra respeitarmos a história do Almirante Othon.

  3. 14/10/2017  8:54 by Marcos Responder

    HMS Tireless ...>> Claro que algumas bombas nucleares não irão destruir os Estados Unidos. Assim como duas bombas nucleares não destruíram o Japão. Porém causaram muitas mortes e imensos sofrimentos. A pergunta é: o povo americano merece isso? Claro que não. O povo americano é muito trabalhador e também bastante empreendedor, um exemplo para o mundo. Mas é vítima de uma política externa que visa satisfazer aos financiadores das campanhas eleitorais, tanto dos democratas quanto dos republicanos.Uma guerra nuclear não tem vencedores e além de que pode afetar não apenas os diretamente envolvidos, pois pode afetar o clima global, o meio ambiente e a saúde das pessoas nem todo mundo, dependendo apenas da intensidade do conflito. Agora, é bom lembrar que hoje em dia até mesmo um submarino pode lançar um míssel com um artefato nuclear e atingir uma cidade como New York. Bastando para isso se aproximar o suficiente e efetuar o lançamento, o que poderia causar milhões de mortes. A pergunta é: o povo americano merece isso? Claro que não . Mas a indústria bélica americana está expondo o cidadão americano a esses perigos, ao estimular compras do governo motivadas por conflitos provocados para esse fim. E se o governo não faz guerras ou tenta terminar, podem ser mortos. Veja o caso de Kennedy, só foi ele falar em retirar os soldados americanos do Vietnam para ganhar um presente da indústria bélica. Mas tenho certeza que você sabe bem disso. Mas trabalho é trabalho não é mesmo?

  4. 13/10/2017  16:59 by Adriano Corrêa Responder

    Que haja mesmo provas contra ele mas o período de prisão PREVENTIVA... Lembremos que foi um prisão preventiva de 40 anos... Foi muito exagerado.
    Esse Brasil nunca foi uma democracia e muito menos República. Não sei o que é ainda mas nunca foi nada disto.
    Só no Brejil mesmo

  5. 13/10/2017  16:50 by Gabriel Oliveira Responder

    Meu deus é cada uma não existe essa história de CIA é risível ver pessoas defendendo essa idéia podemos até discutir influência de paises em outros,mas em momento algum ele está preso por causa da ação de uma agência de espionagem dos nossos vizinhos ou sei lá o que.Ele está preso porque é corrupto ou que há indícios que ele seja,isso não significa que assim o é,mas partir da prerrogativa de que a CIA conspira contra o nosso país é ingenuidade demais.Se alguém conspira contra o nosso país e isso é algo óbvio evidente e saturado do tanto que vemos esse oligopolio e conhecemos sua estrutura,são os nossos políticos desde a turminha do partido vermelho ao azul e ao partido que é bandido mesmo e não tem ideologia e a velha máxima populista que ainda há nesse país que envenena não só o nosso país mas o continente sul americano inteiro,não existe nada tão danoso que quanto isso,precisamos acima de tudo evoluir como povo.

  6. 13/10/2017  15:19 by HMS TIRELESS Responder

    Você realmente acha que o sociopara adiposo vai destruir os EUA Marcos? Acredita em Papai Noel também?

  7. 13/10/2017  13:41 by Marcos Responder

    O dia dos genocidas do norte estão por vir. Aquele que com o ferro fere, com o ferro será ferido. Um tal de "gordinho fogueteiro" está na área. Talvez depois de uma desgraça maior acontecer com os genocidas, talvez muitos deles lamentarão esse intervencionismo criminoso e ilegal. Porém será tarde. Talvez fosse melhor já ir se aconselando com moradores Nagazaki.

  8. 13/10/2017  12:51 by HMS TIRELESS Responder

    É meu caro Leonardo, na impossibilidade de apresentar argumentos apela-se para a comédia pastelão do absurdo não é mesmo!? Isso me faz lembrar um certo lunático chamado Leonel Brizola, o mesmo que quando foi governador do RJ lançou as sementes para o caos e a bandidagem que hoje domina o estado e principalmente a sua capital. Nos anos 60, segundo ele, havia um agente da CIA em cada esquina do Brasil.....

  9. 13/10/2017  11:54 by Leonardo Rodrigues Responder

    Fala a CIA em nome da CIA!
    A vantagem da história é que mais cedo ou mais tarde ela aparece. Lembram os grampos e Assenge. Claro que aqui a CIA incentiva alguns antipatriotas e eles fazem o resto.

  10. 13/10/2017  11:31 by HMS TIRELESS Responder

    Stenio, o Almirante Othon apenas será considerado culpado se a sentença condenatória for confirmada pelos tribunais superiores e transitar em julgado. O que eu não concordo é que a ele seja dado um privilégio de inimputabilidade, sob a alegação de que se trata de uma "conspiração internacional", o que vai contra o Estado Democrático de Direito.

  11. 13/10/2017  10:18 by Stenio Responder

    Herói? Para mim, heróis são professores, médicos e policiais (não corruptos). Este bandido aí desviou muito dinheiro; é propineiro, obteve ganhos ilegais. O legado dele é mantido, mas agora também será lembrado por ser corrupto e desonesto.

  12. 13/10/2017  10:17 by Stenio Responder

    Herói? Para mim, heróis são professores, médicos e policiais (não corruptos). Este bandido aí desviou muito dinheiro; é propineiro, obteve ganhos ilegais. O legado dele é mantido, mas agora também será lembrado por ser corrupto e desonesto.

  13. 13/10/2017  9:19 by HMS TIRELESS Responder

    Leonardo, acredite: Eu já estou rindo muito da sua intervenção! Primeiro pela sandice de ficar repetindo ad nauseam que a tudo é uma conspiração da CIA. Me faz lembrar a Marilena Chauí dizendo que "O Moro foi treinado pelo FBI para roubar o Pré-Sal". E depois por essa insistência de que o impeachment foi "gópi". Com todo o respeito mas quem insiste nisso mostra profundo desconhecimento do "livrinho".....

  14. 13/10/2017  7:39 by Leonardo Rodrigues Responder

    HMS TIRELESS não me faça rir. A CIA continua e continuará a fazer o que quiser, onde quiser e com quem quiser até que seja quebrada a hegemonia, ou que, um país não se submeta e tenha sentimento de nação. Isto custará muito caro é claro independente de democracias ou estados totalitários. Caso lamento, não ser o nosso (em ambos os casos.

  15. 12/10/2017  22:57 by JORGE TERRA NACER Responder

    O ALMIRANTE É UM HERÓI NACIONAL, FOI SIM INJUSTIÇADO E PRESO POR JUÍZES QUE OBEDECEM A COMANDO ESTRANGEIROS !!!

  16. 12/10/2017  16:49 by HMS TIRELESS Responder

    O Habeas Corpus foi concedido, revogando-se portanto a prisão preventiva anteriormente decretada, pelo fato de que os requisitos ensejadores da mesma, previstos no art.312 do Código de Processo Penal, mormente no que se referem à garantia da instrução criminal, deixaram de existir.

    Entretanto o mais importante na concessão do assim chamado remédio heroico é a prova cabal de que as instituições do Estado Democrático de Direito estão a funcionar perfeitamente, desmontando a risível acusação segundo a qual o judiciário estaria a serviço de interesses estrangeiros ou da CIA.

  17. 12/10/2017  13:24 by Charley Responder

    Soltem o herói e prendam os bandidos!

Leave a reply

 

Your email address will not be published.