AW169

A Leonardo anunciou hoje na LAAD no Rio de Janeiro, Brasil, uma ordem para um AgustaWestland AW169 para a Gendarmería Nacional Argentina, para apoio às operações policiais e de patrulha fronteiriça, ampliando a presença de Leonardo no país.

A entrega do AW169 para a Gendarmería Nacional Argentina, está prevista para o segundo semestre de 2017, sendo o primeiro AW169 para entrar em serviço na Argentina.

Mauro Moretti, Diretor Presidente e Gerente Geral da Leonardo, disse: “A nova geração AW169 por um cliente tão importante como a Argentina, fornece de forma evidente soluções de alta tecnologia, de alta qualidade e foi projetado para atender às necessidades atuais e futuras dos principais operadores na América Latina, particularmente no exigente setor de segurança”.

As capacidades multi-funções e multi-missão do AW169, permitem que os operadores alavanquem as vendas, incluindo a ordem pública e segurança, controle da criminalidade, luta contra o terrorismo, controle das drogas, segurança nas fronteiras, e busca e salvamento.

A Gendarmerie irá operar um AW169 que possui uma visão noturna (NVG), ganchos de telhado de cabine e equipamentos de ataque de arame, e inclui disposições para um gancho de carga, altofalantes externos, guincho de salvamento, luz de Sistemas de rappel, e FLIR. Isto permitirá à Gendarmerie expandir o escopo de suas missões no futuro, conforme necessário.

Nota aos editores sobre o AW169

Uma nova geração versátil bimotor na categoria intermediária de helicóptero. Com 4.8 toneladas,  o AW169 foi concebido em resposta à crescente procura no mercado de uma aeronave de alto desempenho, que atenda a todos os padrões de segurança mais recentes e tem recursos multi-função.

O AW169 incorpora várias novas características tecnológicas no sistema de rotor, motores, avionica, transmissão e sistemas de geração e distribuição de energia elétrica. Mais de 20 AW169 foram entregues para clientes da Europa, Oriente Médio, Ásia, Austrália e América do Sul, com mais de 160 acordos, incluindo ordens e opções, assinados por clientes em todo o mundo para uma série de  utilizações, tais como a aplicação da lei, serviço médico de emergência, transportes marítimos, serviços executivos / privados, transporte.

image_pdfimage_print

 

1 Comment

 

  1. 07/04/2017  17:37 by Eduardo Lima Responder

    Ainda nem pagaram pelos Texan II, e pelo visto não vão pagar a primeira parcela da compra ou seja. Desistência! E agora mais essa.

Leave a reply

 

Your email address will not be published.