Fraterno_01

Após cinco dias de comissão e diversos exercícios operativos, chega ao fim a Operação Fraterno XXXIII. Realizada de 22 a 26 de junho, na área marítima do Rio de Janeiro, a Operação foi coordenada pelo Comando da 1ª Divisão da Esquadra e contou com meios operativos da Esquadra Brasileira e da Armada da República da Argentina.

Fraterno_02As simulações de guerra realizadas incluíram exercícios antiaéreos, antissubmarino e de transferência de carga leve, o que permitiu uma maior integração entre as duas Marinhas e um aumento do nível de adestramento das unidades em operações combinadas.

Durante a Operação, o Grupo-Tarefa brasileiro foi composto pelas Fragatas “Liberal” (F43) e “Greenhalgh” (F46). Já o Grupo-Tarefa da Argentina foi composto pela Corveta “Espora” (P41) e o Navio de Tropas “Bahía San Blas” (B4). Participaram também as aeronaves “Super Lynx” (AH-11A), “Esquilo” (UH-13) e duas aeronaves AF-1A da Marinha do Brasil, além das aeronaves A-1 e P-3AM da Força Aérea Brasileira.

FONTE: MB

FOTOS: ARA

 

14 Comments

 

  1. 02/07/2015  19:08 by Oplita Responder

    Foram os "esquerdistas" que, para salvar uma ditadura, invadiram irresponsavelmente as Malvinas, né!!?? Como se não fosse daí o início do declínio dos hermanos argentinos! É muita ideologia distorcendo a realidade hein !!!???

  2. 01/07/2015  22:41 by dilson queiroz Responder

    .............. colega César Pereira muito grato pela congratulação.....e..bom compartilhar idéias com o colega....colega Adriano....foi bom falar sobre antagonismos....entendi bem Cordiais Saudações aos prezados amigos.................

  3. 01/07/2015  19:22 by Adriano Responder

    Fazer exercícios navais com forças que tem mais probabilidade de serem amigas, é tão válido como fazer exercícios navais com forças que sempre nos serão antagônicas, veja- se o casa da China que já participou de exercícios navais com os EUA. Talvez a Argentina e outras nações da américa latina ainda não sejam amigas, mas são os prováveis amigos, comparados com EUA, Europa ,Rússia e China. O antagonismo latino americano, ou pior dentro de nosso próprio Brasil, entre irmãos, só serve há um interesse: os atores globais!
    Abçs

  4. 01/07/2015  18:28 by _RR_ Responder

    Particularmente, gosto muito das MEKO 360 e MEKO 140 argentinas. São navios bastante equilibrados. A classe Almirante Brown, em particular, conta com excelentes defesas de ponto e uma propulsão de dar inveja...

  5. 01/07/2015  18:15 by Gabriel Responder

    Graças aos esquerdista Se juntar as duas não faz uma guarda costeira....

  6. 01/07/2015  14:19 by mauricio matos Responder

    A disputa para ver qual das duas marinha se torna uma guarda costeira.

  7. 01/07/2015  11:57 by dilson queiroz Responder

    .................nada é eterno....sairemos dessa situação de urucubaca.... .pessoalmente tenho fé......já passamos por piores.......tbm desejo boa sorte pros hermanos......

    • 01/07/2015  18:45 by César Pereira Responder

      Aí Dilson Queiroz, eu faço coro com você,desejo tudo de bom ao BRASIL,e o mesmos aos irmãos do terceiro mundo ! Essa urucubaca vai passar mesmo,nós iremos vencer,basta acreditar,ter fé, estou contigo nessa !
      Grande abraço!

  8. 01/07/2015  11:06 by yuri Responder

    argentina ?.... vish...

  9. 01/07/2015  9:29 by dilson queiroz Responder

    ,....................muito bom o exercício Fraterno........é melhor fazer exercício com países fronteiriços e amigos do que com potencias A, B ou C que em geral sempre tem algum interesse escuso.....

    • 01/07/2015  9:40 by César Pereira Responder

      Pena que ambas as armadas estejam em situação tão deplorável !

    • 01/07/2015  14:29 by RomauBR Responder

      Certo, a premissa de que a Argentina é um país fronteiriço é verdadeira, mas vc acha mesmo que eles não tem nenhum interesse nisso? Vc acredita piamente que eles são nossos melhores amigos? Ou que qualquer outro o seja? Já foi dito exaustivamente na blogosfera que países não tem amigos, mas interesses, e esse é um paradigma atual e vigente.

      Inocente é um adjetivo inaplicável, creio que cegueta seja mais viável. O véu ideológico que tolda sua visão o impede de enxergar além daquilo que deseja ver, daí sai uma pérola dessa. Estuda fora da cartilha que melhora.

      • 02/07/2015  21:29 by Topol Responder

        Quem sempre vive de bajulação não é capaz de enxergar em outro mais do que a subserviência que carrega em si mesmo...

        A Argentina nunca foi nossa rival... O nobre e entendido colega de certo apoiaria que a Marinha do Brasil convidasse a 4ª frota da US Navy para patrulhar nossas águas...

        Ao invés de procurar fortalecer, mesmo que com nossos poucos meios disponíveis, as relações de amizade e segurança com nossos vizinhos.

    • 01/07/2015  18:14 by Gabriel Responder

      Que país tem mais interesses escusos com relação ao Brasil que los hermanos caloteros?!
      Quem embarga nossos produtos na fronteira todo ano e desrespeita os acordos?
      Tenha dó ....

Leave a reply

 

Your email address will not be published.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.