MOSCOU (Reuters) – A Rússia não irá devolver o controle da Crimeia para a Ucrânia, informou o Ministério das Relações Exteriores da Rússia nesta quarta-feira, respondendo a comentários da Casa Branca de que os Estados Unidos esperam que a península do Mar Negro seja devolvida.

“Não devolvemos nossos próprios territórios. Crimeia é território pertencente à Federação Russa”, disse Maria Zakharova, porta-voz do Ministério das Relações Exteriores da Rússia, durante entrevista coletiva.

Na terça-feira, a Casa Branca informou que o presidente dos EUA, Donald Trump, deixou claro que espera que a Rússia entregue o controle do território.

A Rússia anexou a Crimeia em 2014, fazendo com que os EUA e União Europeia estabelecessem sanções sobre Moscou, o que colocou as relações do Kremlin com o Ocidente no pior nível desde o final da Guerra Fria.

(Reportagem de Andrew Osborn)

 

image_pdfimage_print

 

10 Comments

 

  1. 15/02/2017  12:39 by Jose Luiz Esposito

    A Crimeia sempre foi russa ,apenas Kruschev que era ucraniano a transferiu para a então República Soviética da Ucrânia ,mas depois que através de um Golpe puseram um Fantoche pro UE ,a Rússia resolveu tomá-la de volta !!

  2. 15/02/2017  13:48 by Dalton

    Kruschev nasceu próximo à fronteira entre Rússia e Ucrânia, mas, nasceu do lado russo da fronteira sendo filho de modestos camponeses de origem russa. A família mudou-se para à Ucrânia pois as condições de trabalho e salários eram melhores lá,
    mas, isso não os tornou ucranianos.
    .
    A "transferência" da Crimeia para a Ucrânia de fato ocorreu sob o governo de Kruschev e tinha como objetivo fortalecer às
    relações entre russos e ucranianos com a base naval lá compartilhada por ambas as nações.

  3. 15/02/2017  19:13 by César Pereira

    Trump vem trocando os pés pelas mãos desde que assumiu a presidência dos EUA, mas isso já era esperado,quem conhece seu temperamento egocêntrico e suas bravatas não se admirou com seus modos ! Como disse o presidente do Irâ .Trump ainda tem muito que aprender sobre relações exteriores !

  4. 15/02/2017  22:01 by Hoplita

    Mas do que nunca as sábias palavras do velho Mao se fazem verdade: "Os EUA são um tigre de papel"!

  5. 15/02/2017  23:32 by HMS TIRELESS

    Mao era sifilítico, doença essa que ao final leva à loucura. E ainda tem quem confunda loucura com sabedoria.....
    -
    No mais continuamos a ver os filhos mal-paridos da "pátria-educadora" mostrarem todo o seu (Des)conhecimento de história pois o sifilítico tirano chamou de tigre de papel não os EUA mas sim as forças de Chiang Kai Check...😉

  6. 16/02/2017  9:51 by Jose Luiz Esposito

    Dalton a nacionalidade de Kruschev era ucraniana ,e assim ele se dizia ,e fora isso ,a Crimeia sempre fora russa ,esteve por uns 50 anos como ucraniana ,mas a imensa maioria de sua população é russa ; mais uma coisa ,grande parte dos nascidos em Odessa -Ucrânia se dizem russos , aqui mesmo no Brasil Olga Melnick ( Lola ) belíssima ,se diz russa ,porém nasceu em Odessa -Ucrânia e para muitos que não sabem a Rússia ,Bielrus e Ucrânia nasceram em Kiev -Ucrânia ,são irmãos siameses e seus idiomas são também irmaníssimos ,assim como português e espanhol !

  7. 16/02/2017  9:56 by Jose Luiz Esposito

    Eu sou anticomunista e digo a mesma coisa que Mao dizia , pessoas confundem volume de investimentos e material militar com força de combate : Generais alemães diziam a mesma coisa ,se por hipótese a Alemanha e os EUA pudessem ter estado em guerra direta ,os EUA levariam um passeio fenomenal ,meu padrinho e outros parentes Excombatentes em Italia elogiavam aos Ingleses e falavam a mesma coisa dos Estadounidenses !!

  8. 17/02/2017  14:02 by Gilberto Rezende

    Independente da origem étnica, toda carreira de Kruschev no Partido Comunista foi iniciada na Ucrânia e sendo membro local do partido no Politburo. Sua origem POLÍTICA era ucraniana sua escolha para secretário geral neste sentido é similar a do Papa Argentino.
    Kruschev era um político ucraniano mas na disputa pelo cargo de secretá-geral lembrava aos votantes que etnicamente era russo, portanto de consenso.
    Francisco era um cardeal argentino mas na disputa do Conclave lembrava aos demais cardeais votantes que sendo filho de pai e mãe italianos ele era italiano nascido na Argentina, portanto de consenso....

    Coisas da alta política...

  9. 18/02/2017  19:50 by Hoplita

    Kkkkkkk.... Alguém aqui deve ser aluno de Bolsonaro! A expressão "tigre de papel" é direcionada ao imperialismo norte americano e foi dita por Mao Tsé Tung, inclusive em artigo, publicado em 14 de julho de 1956. A história mostrou e mostra que ele estava correto, tanto para China, quanto para o Vietnã e Coréia, como hoje para a Rússia! Sobre "sífilis", "loucura" e outras explicações do sub mundo, fica para os discípulos do Alexandre Frota! Esse sim, deve entender muito bem desses assuntos!

  10. 18/02/2017  21:01 by HMS TIRELESS

    Pego com a boca na botija o filho mal-parido da "pátria-educadora" agora tenta dar legitimidade à sua farsa. Mas o mais engraçado é quando ele cita a Coréia. Será que ele acha que a Coréia foi reunificada por algum tirano Kim Caricato? A julgar pelos estupros que essa patota costuma perpetrar contra a história....😉

    A propósito, o socialismo é tão bom que na Venezuela promoveu a distribuição igualitária da miséria....😉

Leave a reply

 

Your email address will not be published.