O Navio-Patrulha Bracuí do Grupamento de Patrulha Naval do Norte da Marinha do Brasil sofreu um incêndio no compartimento das máquinas principais, no início da noite dessa segunda-feira (19), próximo ao município de Manacapuru (distante 84 km de Manaus).

A embarcação foi rebocada para a Estação Naval do Rio Negro (ENRN), em Manaus, por dois empurradores, onde permanecerá para realização de perícias técnicas que instruirão o inquérito aberto para apuração das causas do sinistro.

“Patrulha Bracuí” é subordinado ao Comando do 4º Distrito Naval (Com4ºDN), em Belém, e que se encontra atualmente sob o controle operativo do Comando do 9º Distrito Naval (Com9ºDN), para realizar Patrulha Naval, no rio Solimões.

Conforme nota enviada à imprensa, a Marinha do Brasil informou que o incêndio foi prontamente combatido pela tripulação do navio e após cerca de uma hora, foi extinto, e não houve qualquer acidente com o pessoal de bordo.

Ainda de acordo com a nota, o navio deverá ser encaminhado à sua sede, na Base Naval de Val de Cães (BNVC), em Belém (PA), assim que estabelecidas a sua estrutura e segurança, para condições operativas.

Fonte: A Critica.com

image_pdfimage_print

 

Leave a reply

 

Your email address will not be published.