Radar CEAFAR australiano

O Reino Unido deve analisar a viabilidade de buscar um sistema de radar desenvolvido pela empresa australiana CEA Technologies, disse o ministro australiano da Defesa, Christopher Pyne, em 10 de novembro.

Em um comunicado de imprensa publicado pelo Departamento de Defesa australiano (DoD), Pyne disse que o Reino Unido realizará um estudo de capacidade para integrar o radar ativo CEAFAR da CEA Technologies nos navios da Royal Navy. O estudo do sistema de radar começará no início de 2018.

Pyne acrescentou que o estudo da capacidade foi acordado no diálogo da indústria de defesa Austrália / Reino Unido, que ocorreu no Reino Unido na semana passada, e foi confirmado pelo ministro britânico de contratos de defesa Harriett Baldwin, durante uma visita em 10 de novembro a Adelaide.

Radar Artisan 3D

TRADUÇÃO E ADAPTAÇÃO: DAN

FONTE: Jane’s 360

NOTA DO EDITOR: O radar Artisan 3D da BAE System chegou a ser anunciado como sendo o radar que equiparia as futuras Corvetas classe Tamandaré, em um convênio que envolveria a brasileira BRADAR. Porém, sabe-se que outras opções estão disponíveis e serão apresentadas no RFP que a Marinha irá disponibilizar ainda este ano. O que causa estranheza é o fato da Royal Navy estar interessada em outro radar para equipar seus futuros navios de guerra, o que pode indicar que o Artisan 3D não está atendendo adequadamente as necessidades da Marinha britânica. É esperar para ver qual radar irá equipar nossas futuras Corvetas.