O Saab Technology Center (STC), novo centro de desenvolvimento da Saab em Tampere, na Finlândia, é utilizado para o desenvolvimento do sistema de mísseis antiaéreos RBS15 da próxima geração das Forças Armadas suecas.



Em 2017, a Administração de Material de Defesa da Suécia, FMV, fez um pedido para o desenvolvimento do sistema de mísseis antinavios da próxima geração das Forças Armadas Suecas. Desde o início do programa de desenvolvimento, a Saab usou seu recém-inaugurado centro de desenvolvimento, STC, em Tampere, na Finlândia, para o desenvolvimento de partes vitais do novo sistema de mísseis. O desenvolvimento em Tampere está atualmente focado na tecnologia de micro-ondas e no desenvolvimento do novo buscador de alvo de radar ativo do míssil.

“Para nós, é muito gratificante usar o centro como parte do desenvolvimento do sistema de mísseis antinavios RBS15 da próxima geração das Forças Armadas Suecas. O conhecimento e a experiência entre as pessoas no STC são únicos e estamos confiantes de que o trabalho que está sendo feito no centro beneficiará o futuro do nosso sistema de mísseis RBS15 ”, diz Anders Gardberg, diretor administrativo da unidade da Saab na Finlândia.

Em março de 2017, a Saab anunciou um pedido da FMV para o desenvolvimento e produção do sistema de mísseis anti-navio da próxima geração. O sistema de mísseis será entregue às Forças Armadas suecas e à integração dos novos caças Gripen E e das corvetas da classe Visby. A inauguração do novo centro de desenvolvimento da Saab, o Centro de Tecnologia Saab, STC, em Tampere, na Finlândia, foi anunciada no início de 2018. O conceito do Saab Technology Center é capaz de se expandir para outros campos de atividade e locais. A Saab e sua subsidiária, a Combitech Oy, atualmente empregam cerca de 100 funcionários na Finlândia, com escritórios em Helsinque, Espoo, Jyväskylä, Tampere e Säkylä.

TRADUÇÃO E ADAPTAÇÃO: DAN
FONTE: SAAB



 

1 Comment

 

  1. 10/04/2018  10:36 by Beto Santos Responder

    Seria ótimo se tivéssemos um centro de desenvolvimento destes aqui no Brasil, será que no futuro a SAAB não poderia montar um centro destes aqui para desenvolvimentos de novas tecnologias já que temos parceria no desenvolvimento do Gripen E/F.

Leave a reply

 

Your email address will not be published.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.