Gripen

O grupo sueco aeroespacial e de defesa SAAB, informou que seu lucro líquido cresceu 57% no primeiro semestre, depois de os resultados do ano passado terem sido afetados por custos legais e de reestruturação. A empresa teve lucro líquido de 412 milhões de coroas suecas (US$ 60 milhões) no período, mesmo com uma queda de 7% nas vendas.

“O mercado de segurança e defesa continua desafiador e a competição é forte”, disse o presidente da empresa, Håkan Buskhe, em comunicado.

A companhia espera concluir este ano as negociações com o Brasil para a compra de aviões de combate Gripen e enxerga “forte interesse” por essas aeronaves em outros mercados. Além disso, a SAAB informou que a compra das operações submarinas da ThyssenKrupp Marine Systems deve ser concluída até o fim do mês, provavelmente pelo valor de 340 milhões de coroas suecas.

FONTE: Dow Jones Newswires

 

1 Comment

 

  1. 20/07/2014  16:26 by Topol-M Responder

    A ThyssenKrupp Marine Systems comprou o estaleiro sueco Kockums para eliminar um concorrente e arranjou briga com a SAAB. A SAAB se doeu e começou a recrutar todos os especialistas em submarinos da ThyssenKrupp para o seu lado e agora está definitivamente comprando a seção de operações submarinas da empresa alemã para no futuro dominar o negócio de submarinos no Norte da Europa. Esses Suecos são mesmo determinados.

Leave a reply

 

Your email address will not be published.

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.