Em novembro do ano passado, a Suíça selecionou o caça Gripen E/F como o candidato preferido para substituir as  aeronaves Northrop F-5E/F Tiger da Força Aérea Suíça. O Departamento Suíço de Defesa, Proteção Civil e Esportes (DDPS) foi chamado para dar início às conversações com a Saab e o Governo Sueco, visando otimizar a oferta feita pela Saab.  As negociações prosseguem de acordo e os testes de voo, na Suécia, fazem parte deste processo.

O programa de três dias, realizado no período de 2 a 4 de maio, incluiu treinamento no simulador e quatro testes de voo.  Os testes tiveram como foco a defesa aérea e missões de policiamento aéreo, usando diferentes configurações de armas, o que incluiu o míssil IRIS-T, assim como o METEOR e o AMRAAM.

“Executamos testes de desempenho em voo, em um cenário de policiamento aéreo.  Simulamos um alerta de reação rápida e de interceptação com desempenho máximo, a altas altitudes e a velocidades supersônicas.  Testamos o motor, em sua plenitude e ficamos satisfeitos com os resultados”, disse Bernhard Berset, piloto de testes da Armasuisse. “Os testes foram um sucesso”, completou Ten. Cel. Fabio Antognini, Força Aérea Suíça

O programa de testes do Gripen E/F segue de acordo com os planos.  Na próxima fase, a Saab continuará integrando novas tecnologias, o que inclui novos aperfeiçoamentos nos sistemas aviônicos e nos monitores.  O sistema de radar também receberá atenção com a instalação de uma versão mais nova do radar AESA.  As fases anteriores de testes tiveram como foco áreas como manejo de voo, aerodinâmica, melhorias de desempenho, incluindo o novo motor GE F414G, maior carga de armas, além da introdução de novos sensores e novos sistemas de aviônicos na aeronave.

“A cooperação entre as duas equipes foi fantástica.  Realizamos quatro testes e demonstramos as crescentes capacidades do Gripen em tudo aquilo que nos foi solicitado, inclusive maior desempenho, manejo e autonomia de voo”, disse Richard Ljungberg, principal piloto de testes da Saab.

FONTE: SAAB

 

Leave a reply

 

Your email address will not be published.

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.