Novíssimo navio de apoio logístico inglês, RFA Tidespring (A 136), realizando seu primeiro Replenishment at Sea (RAS), ou Faina de TOM (Transferência de Óleo no Mar), com a fragata HMS Sutherland (F 81).

O RFA Tidespring é um navio-tanque de reabastecimento da classe Tide da British Royal Fleet Auxiliary (RFA). Ordenado pela DSME em 2012, o navio foi aceito pelo Ministério da Defesa em 2017, com aproximadamente 18 meses de atraso. O Tidespring partiu de Falmouth para testes de mar e avaliação final em 1 de setembro de 2017, que incluiu sua primeira visita a Gibraltar, operações aéreas e seu primeiro reabastecimento no mar com o RFA Wave Knight.

Em 16 de novembro de 2017, o navio de 39.000 toneladas e que custou £178 milhões, entrou em Portsmouth pela primeira vez para preparar sua incorporação à Royal Fleet Auxiliary em 27 de novembro próximo.

NOTA DO EDITOR: Este é o tipo de navio previsto no PROSUPER que a Marinha do Brasil necessita, mas o preço deste modelo na ordem de  178 milhões de libras esterlinas ( R$ 768.165.788,62 ao câmbio de hoje), mostra claramente porque o PROSUPER está na geladeira, aguardando a chegada de um novo governo que dê a devida atenção para as necessidades de nossa Marinha.   

FONTE: Savetheroyalnavy

 

2 Comments

 

  1. 20/11/2017  23:08 by BrunoFN Responder

    Jurava q esse valor de 178mi .. era em dollar n em libras... es a minha Classe favorita de NT ou NTM , NApLog...como bem a MB quiser o classificar , negociando direitinho com os coreanos , daria pra rolar um bom financiamento externo de umas 2 unidades (dizem q esse projeto do ''Tyde'' pertence a Royal Navy .. talvez algo similar ao projeto os coreanos devem ter )

  2. 20/11/2017  17:01 by Marujo Responder

    A que navios os novos tanques construídos na Coréia vão substituir? Os Roveres?

Leave a reply

 

Your email address will not be published.

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.