De acordo com o que foi dito hoje pelo chefe de gabinete de ministros no seu relatório à Câmara dos deputados da nação, os 5 (cinco) caças navais Dassault Super Étendard Modernisé (SEM), que serviram à aviação naval francesa, serão incorporados em breve. As aeronaves escolhidas são as que tem os números 1, 31, 41, 44 e 51.

Cabe salientar que todos correspondem à versão “SEM 5”, a última das modernizações que lhe foram aplicadas ao Super Étendard e que lhe permitiram continuar em serviço de primeira linha na França até 2015.

Junto com as aeronaves, foram selecionadas todas as peças e componentes que estavam armazenadas quando da retirada do serviço ativo. Além de peças e componentes, serão incorporados bancos de ensaio e um simulador.

Vale ressaltar que todo o material incorporado cumpre as normas ambientais em vigor, sendo, nesse sentido, importante informar que o último material que não preenchia essas normas, as pastilhas de freio, serão substituídas por outras de origem nacional, em conformidade com a regulamentação.

O montante total da operação, incluindo o seu transporte da Europa para a Argentina, é de 14 milhões de euros.

TRADUÇÃO E ADAPTAÇÃO: DAN

Fonte: Fuerzas de Defensa Argentinas

https://es.scribd.com/document/360571563/INFORME-105-4-de-Octubre-de-2017#fullscreen&from_embed