Israelenses dizem terem abatido drone iraniano vindo da Síria. Sírios garantem ter derrubado um F-16 de Israel

Através do Twitter, um porta-voz militar israelense dá conta de que um avião de combate F-16 foi abatido enquanto a força aérea atacava “alvos iranianos” na Síria, depois de ter interceptado um drone iraniano, vindo de território sírio, em seu espaço aéreo.

Jonathan Conricus informou que os tripulantes do caça F-16 estão “sãos e salvos” e acusa o Irã de ser o responsável por esta “grave violação da soberania israelense”.



Depois de divulgada esta informação as autoridades sírias, citadas pela agência de notícias oficial Sana, davam conta de que a sua defesa antiaérea tinha repelido “uma agressão de Israel” a uma base militar no centro do país acrescentando que “mais de um avião” israelense foi atingido pelos disparos.

Os tripulantes do caça israelense se ejetaram e foram resgatados por um helicóptero Black Hawk.

FONTE e FOTO: Euronews



image_pdfimage_print

 

9 Comments

 

  1. 14/02/2018  22:14 by Magnus Responder

    Nem Syria e nem Iran tem condicoes de destruir Israel.

    Israel é o unico país do Oriente Medio a ter um arsenal nuclear e o unico a nao sofrer sancoes por causa disso.

    O fato é que Israel precisa estar em guerra para sobreviver e existir enquanto país.

    E tbm é fato que o povo de Israel quer a paz mas o Governo de Israel vive da guerra.

    Por isso nunca havera paz naquela regiao msmo que TODOS os países arabes e muçulmanos do mundo um dia reconheçam Israel como Estado.

    O problema naquela regiao nao sao os povos e sim os governos dos países envolvidos.

  2. 11/02/2018  8:29 by Magnus Responder

    "Grave violaçao da soberania israelense"?
    Os israelenses invadem o espaço aereo sirio todos os dias com a desculpa esfarrapada de "ataques preventivos" e nao querem ter um aviao abatido? E a soberania siria? Ah... mas la tem um ditador, sim, isso é fato, mas ainda assim a Siria é um país soberano e so poderia ser invadida por uma coalizao comandada pela ONU. Ahhh... mas Israel ainda esta em guerra com a Siria. Exatamente! Se estao em guerra entao existem perdas dos dois lados. Se a Siria invade ela sofre as consequencias, se Israel invade ele sofre as consequencias.

    • 11/02/2018  10:44 by HMS TIRELESS Responder

      Síria e especialmente o Estado Fascista iraniano querem destruir Israel e o seu povo. Israel não deseja destruir esses países. Só esse fato já torna as operações israelenses legítimas.

      • 14/02/2018  22:24 by Magnus Responder

        Como Syria e Iran iriam destruir Israel?
        Israel é o unico país do Oriente Medio a ter armas nucleares.
        Quem tem na força na regiao é Israel.
        Se devolvesse as colinas de Golan, a Cisjordania e aceitasse a criacao do Estado Palestino com a capital compartilhada com certeza Israel seria reconhecido como Estado por grande parte dos países arabes... MAS... nenhum dos lados quer a paz pq eles ganham muito com a guerra.

  3. 10/02/2018  17:49 by jacó Responder

    Vão é se arrombar pois o iran não vai dar mole a israel é só o começo e os eua falidus não poderão fazer nada contido por RUSSIA e CHINA.Força aerea de israel vai pro chão.

    • 10/02/2018  18:03 by HMS TIRELESS Responder

      Parabéns! Você se formou com louvor na academia DCE de geopolítica....

    • 10/02/2018  21:23 by Guilherme Wiltgen Responder

      Jacó,
      Não foi bem isso que vimos essa semana né? Aviões dos EUA entraram, bombardearam e saíram da Síria.
      A única reação Russa foi condenar o ataque, mais nada...

  4. 10/02/2018  16:23 by Larri Gonçalves Responder

    Com todo respeito, mas se continuar assim, em breve, vamos ter combates no Líbano e Síria, entre tropas de Israel contra Hezbolah, tropas iranianas e Sírias,espero que não haja engajamentos de tropas dos USA (leia-se forças especiais) e tropas Russas (tropas especiais), acho que tá na hora do ministério da defesa dar uma olhada com mais atenção, pois temos uma belonave destacada à serviço da ONU no Líbano.

  5. 10/02/2018  15:49 by Teropode Responder

    Uma hora teriam que acertar, agora vamos para os próximos movimentos, expandir a área para além das C. Golan é algo a considerar!

Leave a reply

 

Your email address will not be published.