O destróier mais novo dos EUA, o USS John Finn (DDG 113), entrou em serviço após uma cerimônia solene realizada na base naval de Pearl Harbor, no Havaí.

O novo navio envia um claro sinal para os aliados e inimigos dos EUA na região da Ásia-Pacífico: Washington tem seus próprios interesses nesta parte do mundo, ressaltou o chefe do Comando do Pacífico das Forças Armadas dos EUA, o almirante Harry Harris, durante a cerimônia.

“Acreditamos na paz apoiada na força. O aparecimento deste navio aponta a nossos amigos e inimigos que levamos muito a sério esta região”, disse o almirante.

Este navio de guerra multifuncional tem 155 metros de comprimento e pesa 9.140 toneladas. O USS John Finn está equipado para a realização de operações de guerra antiaérea e antissubmarino.

​Como outros navios da classe, o destróier conta com um canhão de 5 polegadas, 2 × 25 mm M242 Bushmaster, um sistema avançado de mísseis antinavio e dois lançadores triplos de torpedos.

​Além disso, está equipado com lançadores verticais para diferentes tipos de mísseis. O hangar do USS John Finn pode acolher dois helicópteros MH-60R.

Este é o primeiro destróier da sua classe a utilizar uma versão do sistema Aegis que permite ao navio efetuar simultaneamente combates antiaéreos e executar ações de defesa contra mísseis balísticos.

“Isso significa que o USS John Finn vai para o combate com espada e com escudo”, explicou Harris.

O sistema antiaéreo do navio usa radares AN/SPY-1 da Lockheed Martin que a própria empresa descreve como “o sistema de radar multifuncional mais avançado da Marinha”.

O novo destróier foi batizado em nome do marinheiro norte-americano John Finn, que defendeu a base de Pearl Harbor durante o histórico ataque japonês em 7 de dezembro de 1941. Finn sofreu 20 ferimentos durante o ataque, mas não abandonou o campo de batalha. Por seu heroísmo, este marinheiro foi condecorado com a Medalha de Honra. Finn morreu em 2010, aos 100 anos.

FONTE: Sputnik

FOTOS: Twitter US Pacific Fleet

 

6 Comments

 

  1. 17/07/2017  13:51 by Dalton

    Fui interrompido e não lembro se enviei o comentário :(...mas...só uma pequena correção então...o "John Finn" não está armado com canhões de 30mm e 155 mm...esse é armamento da classe "Zumwalt".

  2. 17/07/2017  13:54 by Dalton

    Acho que confundiram as coisas...o armamento mencionado, canhões de 155 mm e 30 mm pertence aos classe "Zumwalt" e
    naõ aos "Arleigh Burkes".
    .
    O navio na verdade foi incorporado em dezembro de 2016, mas, só agora, 7 meses depois está sendo oficialmente comissionado
    um tempo um pouco longo para um "Arleigh Burke", talvez porque tenha havido uma pausa na construção da classe...o penúltimo comissionado foi em 2012, mas, dia 29 próximo mais um "Burke" será comissionado, o "Raphael Peralta" que foi recebido pela
    US Navy em fevereiro, portanto, dentro do prazo normal de 5 meses entre o recebimento e o comissionamento de um "Burke".

  3. 17/07/2017  14:02 by Luiz Padilha

    Dalton tb achei estranho, mas tb fiquei sem luz aqui.

  4. 17/07/2017  15:39 by Dalton

    Padilha...dei uma olhada no original em inglês...está errado...o AGS e os 30 mm são apenas para a classe "Zumwalt"...no mais a
    foto comprova o único canhão de 5 polegadas presente em todos os "Burkes" e calibre" 62" desde o USS Roosevelt DDG 80...
    pode corrigir que eu "agarantio" :)

  5. 17/07/2017  17:37 by Luiz Padilha

    Ok Dalton. A minha luz acabou e tive que sair, já corrigi. Obrigado.

  6. 17/07/2017  22:33 by Ivan BC

    Dalton sempre com comentários construtívos! "agarantio"
    Muito bonito os Burke!

Leave a reply

 

Your email address will not be published.