Em um dos testes mais significativos de sistemas autônomos em desenvolvimento pelo Departamento de Defesa, o Strategic Capabilities Office, em parceria com a Naval Air Systems Command, demonstrou com sucesso um dos maiores enxames de micro-drone do mundo em China Lake, Califórnia.

O teste, realizado em outubro de 2016 e documentado no programa de domingo “60 Minutes” da CBS News, consistia em 103 drones Perdix lançados de três Super Hornets F/A-18. Os micro-drones demonstraram comportamentos avançados de enxame, como tomada de decisão coletiva, voo de formação adaptativa e auto proteção.

“Felicito o Escritório de Capacidades Estratégicas por esta demonstração de sucesso”, disse a secretária de Defesa, Ash Carter, que criou a SCO em 2012. “Este é o tipo de inovação de ponta que nos manterá um passo à frente de nossos adversários. “Devido à natureza complexa do combate, os Perdix não são indivíduos pré-programados e sim sincronizados, eles são um organismo coletivo, compartilhando um cérebro distribuído para a tomada de decisão e adaptando-se uns aos outros como enxames na natureza”, disse o diretor da SCO, William Roper.

“Como cada Perdix se comunica e colabora com todos os outros Perdix, o enxame não tem líder e pode adaptar-se facilmente aos drones entrando ou saindo da equipe”. A demonstração é um dos primeiros exemplos do Pentágono usando equipes de pequenos sistemas, baratos e autônomos para realizar missões caras. Roper salientou que a concepção do departamento da futura rede de batalha é aquela em que os seres humanos estarão sempre no circuito. As máquinas e os sistemas autônomos que estão sendo desenvolvidos pelo DoD, como os micro-drones, que capacitarão os seres humanos a tomar melhores decisões mais rapidamente.

TRADUÇÃO E ADAPTAÇÃO: DAN

 

1 Comment

 

  1. 10/01/2017  11:57 by Renato B.

    Fiquei curioso em saber que tipo de missão eles têm em mente para enxames de Drone. Saturação de defesas?

Leave a reply

 

Your email address will not be published.